As principais notícias do mercado PET e VETERINÁRIO ao seu alcance

Estudo mundial indica hábitos dos tutores no e-commerce pet

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso grupo do Whatsapp

E-COMMERCE PET
Foto: Freepik

Cerca de 73% dos brasileiros recorrem ao e-commerce pet para comprar produtos de pet food por causa do fator preço. Esse foi um dos indicadores de pesquisa inédita sobre hábitos de consumo de tutores de cinco países, incluindo o Brasil. Os dados são da Yummypets, plataforma de pesquisa de mercado.

O estudo analisou o perfil dos clientes do mercado pet nacional e também do Canadá, Estados Unidos, França e Reino Unido. E no quesito economia, um país tem muitas similaridades com o nosso. Segundo o levantamento, 60% dos franceses compram online especialmente por encontrarem valores mais baixos. Além disso, 57% dos brasileiros e 47% dos franceses afirmaram preferir essa modalidade de compra para não desperdiçar tempo.

Nos Estados Unidos, 65% dos donos de pets realizam compras online para evitar a ida à loja, 55% para economizar tempo e 56% para encontrar melhores preços. No Canadá, 61% dos entrevistados também apontam a conveniência de evitar deslocamentos como principal motivo, seguido pela economia de tempo (54%) e pela busca por melhores preços (49%).

No Reino Unido, 58% dos tutores de animais afirmam que a compra online evita idas ao ponto de venda e destacam os preços mais baixos. A economia de tempo foi mencionada por 44% dos britânicos.

No Brasil, EUA, Reino Unido e França, cerca de 40% dos donos de pets também indicaram que a maior variedade de produtos disponível nos sites é um fator decisivo para aderirem ao e-commerce pet. Por outro lado, no Canadá, apenas 29% dos entrevistados consideram a diversidade como atrativo.

Principal fator de estímulo para o e-commerce pet em 5 países


Brasil

Preços mais acessíveis: 73%

França
Preços mais acessíveis: 60%

EUA
Evitar ida à loja: 65%

Canadá
Evitar ida à loja: 61%

Reino Unido
Evitar ida à loja: 58%

 Fonte: GlobalPets

Quais canais são os mais visados no e-commerce pet?

As plataformas especializadas, como pet shops ou clínicas veterinárias, são os canais do e-commerce preferidos principalmente pelos consumidores do Brasil (89%) e da França (80%).

Em contrapartida, menos tutores optam por plataformas gerais como Amazon no Brasil (36%) e na França (22%) e sites de supermercados no Brasil (22%) e na França (13%).

No Reino Unido, os portais especializados também são as mais populares (70%). Já 54% dos entrevistados utilizam plataformas gerais e 39% optam por sites de supermercados. Já nos EUA, os percentuais são de, respectivamente, 63%, 54% e 41%.

No Canadá, a preferência é mais equilibrada: 50% dos consumidores escolhem plataformas especializadas e 50% compram em sites gerais. Apenas 23% dos canadenses utilizam e-commerce de supermercados para comprar alimentos para os animais domésticos.

Locais onde os tutores compram alimentos para seus pets

E-COMMERCE PET
Fonte: GlobalPets

Delivery é a forma de entrega preferida pelos tutores

Nos cinco países analisados, o delivery lidera a preferência entre os tutores (90%). Nos Estados Unidos e no Canadá, os serviços drive-thru ou click & collect, onde a encomenda é retirada em um ponto próximo à residência, foram a segunda opção mais popular, especialmente entre os proprietários de cães.

Já na França, Brasil e Reino Unido, esses métodos são mais populares entre os donos de gatos. A pesquisa foi realizada no final de 2023 e divulgada em abril pelo portal GlobalPets.

 

Mais lidas

OUTRAS NOTÍCIAS

error: O conteúdo está protegido !!