As principais notícias do mercado PET e VETERINÁRIO ao seu alcance

Doença periodontal é mais comum em cães de raça pequena

Acompanhe as principais notícias do dia no nosso grupo do Whatsapp

doença periodontal

Cães de raças pequenas são os mais afetados pela doença periodontal, atingindo até 85% dos animais com mais de três anos. Uma das principais razões é que muitos deles ssão braquicefálicos, condição em que o comprimento do focinho é menor em relação ao crânio.

O fato pode levar a uma série de problemas bucais, como menos espaço para a acomodação da dentição e maloclusão (posição errada dos dentes em relação aos demais), desvios dentários e apinhamento (dentes muito juntos).

Segundo o médico veterinário Marcello Roza, da Mars Petcare e especialista em odontologia veterinária, a maloclusão resulta em traumas como tecidos moles, muitas vezes atrapalhando a pega e mastigação dos alimentos. “Os dentes muito juntos também facilitam a adesão das bactérias, que ali encontram restos alimentares, predispondo, desta maneira, o desenvolvimento e a maturação da placa bacteriana”, acrescenta o especialista.

Cuidado com a saúde bucal para evitar doença periodontal

Como animais difiodontes, eles possuem duas dentições diferentes e consecutivas. E essa desordem no alinhamento dos dentes pode ocasionar a ausência de contato entre os dentes permanentes que devem surgir e as raízes dos dentes decíduos (ou seja, os dentes primários).

O contato é importante porque os dentes permanentes devem surgir através das raízes dos dentes decíduos, resultando no processo de reabsorção, seguido pela eventual queda dos dentes primários e substituição pelos permanentes.

Por isso, o veterinário indica o cuidado redobrado dos tutores com a saúde bucal dos cães de raças pequenas, além do acompanhamento especializado, principalmente durante o período de troca dentária.

“Os tutores devem iniciar o mais precocemente possível a escovação dentária do seu cãozinho e realizá-la uma vez ao dia, sempre no mesmo horário, com escova macia, de tamanho e creme dental apropriados para uso em cães”, orienta o médico.

Mais lidos

OUTRAS NOTÍCIAS